[AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Letime Know em Seg Dez 29, 2014 12:35 am

Desires







Uma criatura especial


Aquela tarde estava se saindo bastante cansativa para o aventureiro despreparado, o rapaz tentava se lembrar das dicas que pegara com um aventureiro antes de vir para a tal floresta, mas para ser sincero não tinha gravado quase nada. Sendo o mais sorrateiro possível, o jovem bahaliano tentava usar seus instintos de domador para encontrar rastros de uma fada do bosque naquela floresta, não que estivesse dando muito certo até aquele momento: o gigante que o seguida de perto não era nada discreto em seu passear e os únicos rastros que o domador achava era do seu próprio Yetizeel. Estava indo tão mal em sua busca, que em certo ponto resolveu parar por algum tempo para ler alguns pergaminhos de magia, sentou-se numa árvore e começou a tentar dominar o que os pergaminhos falava um por um. Projetar mãos magicas, fazer desmaiar pelas trevas e uma maneira de dominar o básico de qualquer elemento, o ladino terminava seu terceiro pergaminho, quanto enxergou um pequeno rastro de pó sob o tronco de uma árvore próxima a ele.

Correu até lá com presa, assustando seu pet, que se levantou com um salto. Examinou cuidadosamente o pozinho e passou o dedo de leve sobre ele, sentindo imediatamente uma leve dormecia na ponta do indicador, era pó paralisante de fada do bosque. Se agachou e acenou para que o Yeti ficasse onde estava, examinou cuidadosamente o perímetro da área e se desapontou com o que achou: rastro de globlins - mais de um- e, seguindo os vestígios um pouco, achou indícios de uma briga. Droga, teriam aqueles monstrinhos repugnantes matado sua fada? Não foi o que pareceu, já que mais alguns rastros da pequena se arrastavam pela direção em que os goblins pareciam ter ido.

Resolveu então que os seguiria, não conseguisse resgatar a garotinha, ao menos a vingaria testando suas novas magias bem no focinho daqueles bichos rabugentos. Seguiu a pequena trilha, feita por cerca de três daqueles bichos, e esta o levou até um acampamento feioso. A desorganização daquele lugar era vista de longe, começando pelo fedor infernal de carne pobre, que vinha do lugar onde aparentemente eles usavam com "lixão". Chamando seu gigante para perto, o domador lhe ditou as ordens:

Quero que você fique aqui onde está e tente não ser visto por ninguém. — usava linguagem corporal para ajudar a fixar a mensagem na cabeça do Yetizeel. — Só avance se eu o chamar.

E foi andando furtivamente em direção ao lugar, se escondendo entre os arbustos, até estar bem próximo do lugar. O suficiente para ver cerca de uns quatro goblins que pareciam brincar ao redor de uma fogueira, pareciam estar concentrados em alguma coisa em especial... Uma pequena fadinha, presa numa gaiola de ossos.

Spoileres esquecidos:
Uso dos pergaminhos na meu inventario, todos.





Última edição por Letime Know em Sex Jan 02, 2015 2:53 am, editado 1 vez(es)
avatar
Letime Know



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
35/80  (35/80)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Helmilith Imrorn em Seg Dez 29, 2014 1:13 am



☽    O Show de Talentos    ☾






A Floresta Hullack não era o local mais agradável para passar a tarde, principalmente quando as árvores assustam pela sua aparência grotesca. Boa parte das espécies vegetais do local exibiam uma sensação mórbida, mas ao tocá-las poderia sentir que estava viva, como se a energia vital percorresse cada célula que a compõe, em um pulsar rítmico e incessante. Mas o que eu realmente vim fazer neste local? Nunca parei para pensar, com toda sinceridade. Há algumas horas foram espalhados boatos de que ao sul da floresta existia um acampamento de Goblins que haviam acumulado algumas relíquias, bastante disseminadas pelas canções dos bardos. As músicas contavam sobre itens que seriam capazes de feitos que nem a magia seria capaz de fazer. Magia. Tolos são aqueles que necessitam dela.

Enfim, com a constatação da importância que poderia existir naqueles tesouros cantarolados, decidi que deveria buscar por eles. Preparei minha bagagem e certifiquei-me de que estava com tudo que seria necessário. Estava hospedado nas proximidades da floresta, então uma viagem até lá não me custaria muito tempo. Alguns carroceiros ainda reduziram o tempo de viagem, concedendo-me alguns quilômetros de carona em seus veículos de madeiras, puxados por seus cavalos mal alimentados. A tarde já quase havia terminado, quando a pé consegui alcançar a entrada da floresta. Comecei então a caminhar em seguida e sem precisar de muitos passos já era capaz de sentir as baixas temperaturas do lugar. Poderia jurar que vi uma das árvores negras se movimentarem assim que passei, mas sei que não foi mais do que a minha imaginação. Mesmo assim um arrepio percorreu toda a minha espinha. Esfreguei minhas mãos em meus braços para aliviar aquela sensação e continuei seguindo, até ouvir sons bastante estranhos.

Aproximei-me o máximo que pude, escondendo minha presença em alguns arbustos de folhagem verde-lodo. Afastei levemente as folhas para conseguir ver uma grotesca cena de dança. Havia encontrado o tal acampamento. Mas como eu poderia ter certeza? Estava cheio de Goblins. Mas isso não era o mais estranho. Uma  fogueira estava acesa e ao redor dela, quatro criaturas gordas e verdes dançavam desajeitadamente. Seus corpos baixinhos tornava a visão ainda pior e quanto mais se locomoviam mais suas gorduras serpenteavam pelo seu corpo. Criaturas imundas. O cheio era pútrido e só após olhar toda área ao redor deles foi que pude enxergar o que eles estavam comemorando. Presa à uma gaiola de ossos sujos, estava uma criatura magrinha e frágil. Uma fada. Lembranças dos meus tempos de exílio preencheram minha mente. Notei que ela estava sendo usada e maltratada. Por mais que eu não fosse o herói, salvador e aquele incrível benfeitor, iria fazer algo. Melhor ainda. Iria fazer aquilo em que sempre me saia muito bem.

- Senhores aqui presente. - comecei a falar assim que saltei dos arbustos, revelando minha presença.

Eles pararam imediatamente a dança e ficaram imóveis, sem saber como deveriam reagir e muito menos o que estava acontecendo.

- A verdadeira atração de hoje chegou. - anunciei abrindo os braços e eles então sacaram as suas armas.







post: 001 ~ Floresta Hullack
avatar
Helmilith Imrorn



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
25/85  (25/85)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Letime Know em Seg Dez 29, 2014 2:48 am

Desires







Homens excêntricos


O bahaliano deu um salto quando algo atrás dele começou a falar alto. Ao olhar para trás, encarou um tiefling - quase a mesma raça que Let - erguer os braços a atrair toda a atenção dos goblins. Isso não seria o menor problema para o ladino, não estivesse ele muito perto do bichos, que agora se armavam e começavam a avançar na direção do guerreiro misterioso. Teria fugido, mas com o avançar dos bichos notou que isto não poderia ser feito, não sem que notassem sua presença. Quando os bichos corriam na direção do provocador, e passavam bem perto de onde Let estava quando o fazia, por pouco alguns deles não tombaram com ele.

O ladino examinou suas possibilidades e suspirou, atacar assim de frente não era lá seu estilo, preferia mil vezes pegar um por um desarmados. Deu uma brechada por dentro do arbusto, vislumbrando o bando de bichos que corria naquela direção, carregavam diversos tipos de armas - mal feitas e com metais em sua maioria enferrujados - e o que Let tinha? Ele tinha as mãos. Não que isso fosse pouco para um bom mago.

Se concentrou, criando na palma de suas duas mãos um tipo de esfera de pura escuridão. Aguardou até que algum dos bichos passasse bem próximo e deu um salto furtivo sobre ele, fazendo as duas bolas se afilarem na forma de pequenas estacas e lançando-as contra o mostro. A primeira atingindo seu ombro e a segunda bem no seu pescoço, foi um bom golpe, contudo, agora a atenção de vários dos goblins estava sobre ele.

Nesse momento, o calado ladino finalmente abriu sua boca para gritar:

Jack, pode vir. — o Yetizeel parecia estar aguardando mais que ansiosamente por aquele chamado.

O gigante surgiu de trás das árvores a direita de seu dono, avançou contra o goblin mais próximo dele, correndo ferozmente de punhos erguidos. Numa pancada poderosa, o pé-grande atingiu o bichinho de pouca estatura bem na parte de cima da cabeça, fazendo o som de quebrar de ossos serem ouvidos até de onde Let estava. Let encarou os monstrinhos, era hora da ação.



avatar
Letime Know



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
35/80  (35/80)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Helmilith Imrorn em Seg Dez 29, 2014 3:08 pm



☽    Outro Mestiço    ☾






Os quatro verdinhos investiram contra mim ao mesmo tempo em que saquei minhas duas Espadas da Lua. Recuei minha perna direita, apoiando o peso do meu corpo nela. Porém, antes mesmo que eu pudesse reagir, o avanço de dois dos quatro monstrinhos foi interrompido pelo ataque de um homem. Ele estava acompanhado por uma criatura alta e peluda, um ser que nunca havia visto em minha curta vida. Não tive muito tempo para analisar, pois os Goblins que não foram interceptados mantiveram seu ataque contra mim. Saltei para trás e desviei de um par de adagas nas mãos do Goblin que veio pela esquerda, mas o outro acertou minha panturrilha com um bastão de madeira, que causou uma dor que subiu até a minha cabeça.

- Ouch. - gritei.

E por impulso chutei a barriga do Goblin com adagas, já desviando do outro ataque. Fui novamente atingido na perna, mas desta vez segurei o bastão e empurrei a criaturinha para trás. Agora ambos estavam caídos e pude ter a impressão de que estavam embriagados. Por isso reagiam tão lentamente e nem desviavam dos ataques que recebiam. Tive então um curto momento para avaliar a situação. Ainda não tinha conhecimento sobre o que era aquele animal, mas o homem eu consegui identificar características físicas. Era um mestiço, provavelmente Bahaliano. Atacava utilizando... Magia. Franzi o cenho ao me dar conta disto e queria então saber o que ele estava fazendo neste lugar. Eu não deixaria ninguém roubar minhas relíquias.

- Quem é você? - perguntei até de maneira amigável.

Antes que ele conseguisse responder, fui atingido com um corte duplo nas costas, pelas adagas do Goblin. Foi superficial, mas senti um líquido escorrer e sujar minhas roupas. Maldito. Recuei alguns passos e investi contra eles. Risquei o ar com minhas espadas, fazendo os dois dançaram para poder desviar. O zunido das minhas lâminas sendo brandidas no ar, causava-lhes tormento. Então usei o cabo de uma das espadas para atingir a cabeça do que estava do meu lado direito e aproveitei o impulso para trás para cravar a espada na barriga do outro monstro. Menos um. O Goblin restante agarrou-se na minha perna, tentei me livrar mas ele então me mordeu. Criatura desprezível, me tirou do sério. Já fui capaz de correr carregando muito mais peso que ele, então comecei uma corrida até a ala leste do acampamento improvisado. Quando me aproximei de uma barraca, arremessei a criatura para baixo de lá e cortei as madeiras finas que sustentavam o abrigo, derrubando tudo em cima dele. Antes de qualquer contra ataque, cortei suas costas com um ataque sincronizado e diagonal, cravando em seguida uma das lâminas sem suas costas. Ia comemorar,mas percebi que três Goblins surgiram do outro lado e vinham em nossa direção. Recuei, me juntando ao mestiço e seu mascote. Teríamos que cooperar, se desejássemos algo desse lugar, pois esses três que surgiram são maiores um pouco que os outros e estavam armados com maças, corrente e um deles ainda tinha um escudo.




post: 002 ~ Acampamento Goblin
avatar
Helmilith Imrorn



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
25/85  (25/85)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Letime Know em Qua Dez 31, 2014 3:47 am

Desires







Goblins Grandes?


O pé grande juntou-se ao domador, afim de protege-lo, Let tentava se lembrar das outras magias que havia aprendido, enquanto o Yetizeel o erguia e colocava na parte de trás do pescoço. O ladino não era muito do tipo que podia levar grandes ferimentos, por isso treinara seu pet para lutar com ele seguro no seu pescoço, para que ele lançasse as magias de lá de cima, enquanto o grandão fazia o trabalho pesado. Uma pequena multidão de goblins já estavam ao redor dos dois quando o aspirante a mago se fixou na nuca peluda do animal. O gigante soltou um grito, de repente, e girou a mão, jogando alguns monstrinhos que o atacavam as costas metros para trás. De lá de cima, Let lançou espinhos de trevas contra o rosto de um dos diabos que se aproximou, ferindo-o um pouco e o impedindo de atacar o gigante. Por alguns segundos de batalha, o Yetizeel ficou batendo nos monstrinho, esmagando-os, enquanto seu dono auxiliava e protegia sua retaguarda com diversificadas formas da magia básica de trevas. Até que em certo momento, o outro rapaz, o tiefling, se dirigiu ao ladino.

Chamo-me Letime, de Suzail. E você? É algum tipo de louco por confusão? — disse, praticamente gritando, por conta do fervor da batalha, mas não soava exatamente bravo.

Nesse momento, três goblins surgiram gritando como se fossem algum tipo de esquadrão especial de guerreiros. E talvez fossem mesmo, já que eram maiores que o normal e estavam um pouco melhor armados, fazendo o outro guerreiro recuar se aproximar dos dois. O ladino lançou um mini chakram de trevas contra um goblin que tentava avançar pelo lado deles, acertando seu nariz, que já sangrava de uma pancada de outrora, e fazendo-o cair para trás em consequência do ataque. Em seguida encarou os três monstrinhos maiores, que estavam a sua frente.

Para cima, Jack. — o rapaz falou firmemente, enquanto formava vários espinhos em sua mão.

O gigante avançou contra o que empunhava uma maça, balançando sua mão imensa contra ele. Ao que o goblin com a corrente olhou para seu parceiro, provavelmente pensando em ajudá-lo, mas foi impedido quando um enxame de pequenos espinhos atingiu-lhe bem no bem no rosto. O mago olhou para o tiefling, observando sua reação atentamente, enquanto conjurava mais magias.



avatar
Letime Know



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
35/80  (35/80)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Helmilith Imrorn em Qua Dez 31, 2014 4:20 am



☽    Luz da Lua    ☾






Quanto mais o tempo passava, mais escuro a floresta se tornava. Aos poucos a única fonte de luz se resumia apenas à fogueira. As sombras dos objetos ao redor iniciavam uma dança que seguia o ritmo bruxuleante das chamas. Brandi minhas espadas e saltei para trás, riscando o ar para afastar os novos oponentes. Ouvi o Bahaliano responder minha pergunta e sorri com o seu questionamento.

- Helmilith, O Bravo. - anunciei com uma reverência e sorri novamente.

Não tive muito tempo para me exibir. Logo recebi um golpe em minha anca, com um escudo. O ataque foi seguido de um corte, que me fez morder os lábios para poder aguentar a dor. Acertei o rosto do Goblin que me atacava com meu joelho e o afastei com uma coronhada. Precisava de mais espaço, então tive que me afastar. Recuei um, dois, três passos. O monstro verde avançou contra mim com sua arma e escudo, mas eu desviei bem a tempo do seu ataque. Usava minhas duas espadas para impedir seus  cortes no ar, invalidando suas investidas. Por pouco não tropeço nas ossadas e carniças que estavam no chão, mas o odor podre invadiu minhas narinas e quase vomito.

- Ei. - chamei a atenção do Bahaliano. - Que tal encerramos esta festa ao redor da fogueira?

Afastei meu pé esquerdo para trás e impulsei meu corpo para poder avançar na direção do meu oponente. Locomovi meu corpo pelo seu lado esquerdo, passando por ele e deixando-o de costas para mim. Cortei o ar em diagonal e acertei seus ombros, mas ele reagiu rápido e impediu meu ataque seguinte com o seu escudo. Tentei acertar meu corpo, mas com minhas lâminas travei sua arma. Ele tentou puxá-la, para ficar livre. Mas com as minhas duas espadas e um pouco de força eu o prendi. Tão rápido e eu não vi. Ele usou seu escudo e atingiu meu rosto, deixando-me tonto e cambaleei para trás. O monstro avançou contra mim e feriu meu peito. Senti o sangue escorrer pela minha roupa rasgada e mesmo assim continuei. Corro para seu lado e desvio de seus ataques, contra-atacando assim que encontrei brechas. Ele era sagaz, mas eu era mais veloz. Eu já poderia improvisar, afinal havia conseguido alcançar meu objetivo. Tinha o atraído para uma área mais aberta, onde poderia testar uma combinação nova de ataque.

- Experimente a Fúria da Lua. - anunciei.

Bati uma espada na outra e com um pouco de impulso, avancei em sua direção. Movimentei meus braços em uma dança frenética, cortando o ar em movimentos alternados e com uma sincronia impar. As espadas dançavam e cortavam seu corpo, em movimentos serpenteantes. Ele largou seu escudo e estoquei seu corpo com minha espada, enfiando-a em seu abdômen gordo. Menos um.




post: 003 ~ Acampamento Goblin
avatar
Helmilith Imrorn



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
25/85  (25/85)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Letime Know em Qua Dez 31, 2014 5:12 am

Desires







Goblins Grandes?


O goblin com a maça tentou desviar do punho do Yetizeel, mas não foi muito bem sucedido, conseguindo apenas ser socado no ombro ao invés da cabeça. O atingido caiu para trás com a pancada e Let encarou o segundo deles, que usava uma corrente, e no momento limpava o rosto ferido com as mãos.

Jack, esmaga. — disse o ladino apontando para o globin da corrente.

Let subiu da nuca do gigante, passando suas pernas por cima da cabeça dele e pulando de lá na direção do globin da maça. A criatura tentava se levantar, quando as mãos extensíveis do bahaliano voador o agarram pelo pescoço, seguido dos pés dele contra a barrigona do monstrinho. O ladino prendeu firme o globin abaixo de si e então se concentrou para tentar usar o poder de seu terceiro pergaminho: fazer desmaiar. Um filete de suor desceu pelo rosto do ladino, enquanto ele fazia a escuridão tomar a mente daquela criatura, levando-a a um sono leve, porém bastante útil. Quando o goblin amoleceu, Let olhou para seu Yeti, que lançava os punhos contra o outro monstrinho.

O goblin tentava a todo custo desviar das mãos do gigante, enquanto girava a corrente, afim de pegá-lo de surpresa. O que aconteceu ocasionalmente, quando com um balanço da corrente, esta se enganchou no tornozelo do Yetizeel e foi puxada logo em seguida, fazendo o pé grande cair com as costas no chão. O monstrinho já avança contra o gigante, quando foi surpreendido pelas mãos escuras que o domador. Com uma das mãos, Let socou forte no estomago do goblin, enquanto a outra mão tentava desatar a corrente dos pés de Jack. Assim que tirou a corrente, o ladino puxou o baixinho pelo braço, jogando-o em direção ao gigante, que deu uma pesada de estralar todos os ossos dele.

Nesse momento Let acenou com a cabeça para seu mais novo "parceiro" e correu em direção a fogueira. Estava ficando escuro e frio na floresta, se o momento não era dos melhores, Letime podia sentir quase palpavelmente como poderia ficar muito pior.



avatar
Letime Know



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
35/80  (35/80)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Helmilith Imrorn em Qua Dez 31, 2014 6:12 am



☽    Magia? Magia   ☾






Nem me dei ao trabalho de comemorar. Assim que eu e o outro garoto nos aproximamos da fogueira, após derrotar os três últimos Goblins, escutamos uma espécie de rugido. Mas não era algo como um leão e sim qualquer criatura enfurecida. Pude ver que a pequena fada apertou suas frágeis e pequenas mãos nas grades de ossos da sua jaula. Ela estava trêmula e parecia querer nos alertar de algo. De repente um tremor. As chamas se atiçaram e eu cerrei meus punhos no cabo das espadas. Da tenda mais afastada do acampamento, saíram três outros Goblins, maiores e mais gordos que os anteriores. Mas não pareciam preguiçosos ou bêbados, diferentes então dos anteriores. Estes pareciam mais como guerreiros e estavam furiosos. A fada sentou-se na gaiola e cobriu o rosto. Os três monstros se aproximaram e mais próximos da luz consegui enxergar que o do meio só podia ser o líder. Seus olhos estavam fixos em mim e ele era o único desarmado. Porém seus braços pareciam fortes o suficiente para me nocautear. Os outros dois estavam cada um com uma espada.

- Cuidado. - alertei o meu aliado, assim que vi os dois Goblins avançarem na sua direção.

O líder permaneceu na minha direção. Como o bahaliano tinha a ajuda de seu grande mascote, consegui ficar mais relaxado, tendo em mente uma luta supostamente justa. Separei minhas pernas e em segundo avancei em alta velocidade na direção do Goblin líder. Foi tudo muito rápido e não o vi desviar das minhas lâminas. Mesmo com seu corpo gordo, ele era veloz. Passei direto e ele em milésimos de segundos cerrou o punho direito e acertou no meu ombro. Caí imediatamente, movido pela dor. Um arrepio percorreu todo o meu corpo e eu não conseguia segurar as minhas espadas, pois minhas mãos ficaram trêmulas. Nem levantar eu conseguia. Ele veio em minha direção e pressionou seu pé esquerdo em minhas costas e forçou-me contra o chão.

- Argh.  - gemi.

Ergueu seu pé e me pisou, fazendo-me cuspir e ficar sem ar. Tentei mover meus braços para alcançar minhas espadas, mas não consegui. Ele me pisou novamente e tive a sensação de ter rompido algumas das minhas costelas. A adrenalina percorreu minha corrente sanguínea e eu não senti mais dor alguma. Mas então ele inclinou seu corpo em minha direção e segurou meu cabelo, erguendo-me em seguida. Ele me fez ficar de pé, sustentado pelo seu puxão em meu cabelo platinado. Moveu seu outro braço para trás e preparou um soco na direção do meu rosto. Mas eu consegui reagir com mais velocidade. Usei minha cauda para chicotear seu rosto e ele me soltou.

Caí e me afastei o máximo que pude. Meu corpo ainda estava com capacidade de locomoção bastante reduzida e minhas espadas estavam longe. Senti que algo caiu ao meu lado e notei que havia caído do meu bolso. Um pergaminho. Aquele que um dia eu ganhei de uma senhora, dizendo que mesmo um descrente em magia poderia precisar de soluções mágicas. Peguei o pergaminho e ao abrir vi que eu realmente poderia precisar daquilo. Não sabia ao certo como utilizá-lo, então só fiz ler as palavras com as pronúncias que eu acreditava ser as corretas.

- Ervil oproc evel liga litus osoicarg - verbalizei. - Redop em-adecnoc

O monstro parou o seu avanço assim que um círculo azul se materializou no chão e iluminou meu corpo. Senti que fui levemente revigorado, porém tinha mais. Era como se meu corpo estivesse mais leve, minha agilidade havia sido aprimorada. Tão leve como ar, tão sutil quanto uma pena a voar. Levantei e avancei de maneira veloz na direção do meu oponente e soquei seu rosto sem que ele nem se desse conta do meu golpe. Saltei para trás, fascinado com a velocidade e leveza que eu havia alcançado.

Uso de Item:
Pergaminho - Agilidade




post: 004 ~ Acampamento Goblin
avatar
Helmilith Imrorn



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
25/85  (25/85)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Letime Know em Qui Jan 01, 2015 5:56 pm

Desires







Goblins Grandes!


Assim que viu-se livre dos três goblin maiores, Let olhou ao redor e achou por um segundo que estava acabado. Muito engado estava ele, um rugido estranho e selvagem soou não muito longe, um som intimidador. A fadinha próxima a fogueira encolheu-se toda, tremendo na mesma medida que os passos de algo se aproximando abalavam a terra. O ladino puxou seu capuz de cima do rosto, fazendo aparecer seus chifres escuros e sua testa molhada de suor. Engoliu em seco quando três monstros se aproximaram o suficiente para serem distinguidos pela luz da fogueira. Mesmo não sendo tão altos, seus braços eram incrivelmente largos, seus olhos eram cruéis e sorrisos, sádicos. O guerreiro desconhecido alertou o ladino, enquanto avançava contra o monstro do meio, o único desarmado e de longe mais forte dentre os três. Os outros dois, sorriram enquanto seguravam firmes suas espadas e começavam a correr na direção do bahaliano e seu Yeti.

Tenha cuidado, Jack. — disse o domador, apontando para o goblin da esquerda.

O Yetizeel avançou de imediato, iniciando uma batalha, enquanto seu dono encarava fixamente o último goblin livre. Let começou a correr para trás como podia, tentando manter a distancia do monstro, que já balançava a espada em horizontal na sua direção. O mago tentava desviar como podia, ao que se concentrava na magia que usaria contra ele. Foi então que o ladino tropeçou em algo e caiu com as costas para trás, o goblin deu um salto, apontando a espada direto contra o peito do bahaliano. Let jogou o corpo para o lado como pode, ouvindo a espada se fincar no chão bem ao lado dele, com um som estridente e uma dor leve. O braço esquerdo do ladino molhou-se um pouco com um liquido quente, ele havia sido atingido de raspão quando escapou. O monstro tentava puxar a espada cravada no chão, Let se levantou e começou a se afastar se concentrando. Quando conseguiu, o goblin partiu correndo na direção do bahaliano. Este, ergueu uma das mãos em direção ao seu oponente, e fechou os olhos em concentração. Os passos da criatura se aproximando ainda podiam ser ouvidos, cada vez mais próximo, quando o bahaliano abriu os olhos e encarou o monstro nos dele. Aqueles olhos cruéis perderam o foco de repente, ao mesmo tempo em que todo o corpo dele amolecia e ele caía aos pés do ladino.

Let pegou a espada do próprio goblin e lançou-a contra o pescoço deste. Em seguida correndo até onde seu pet ainda trava uma batalha, logo pode observar que ele estava ferido, um feio corte na barriga atrapalhava o gigante de lutar, enquanto se defendia da espada e tentava acertar o outro monstro com um soco.

Larga meu pet! — chamou a atenção o ladino, enquanto mãos extensíveis de trevas iam direto contra o penúltimo dos goblin.



avatar
Letime Know



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
35/80  (35/80)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Helmilith Imrorn em Qui Jan 01, 2015 9:07 pm



☽    Corpo a Corpo   ☾






Até então não tinha aceitado a magia, até que fui capaz de sentir o que ela poderia me proporcionar. Pouco segundos atrás eu estava debilitado, com o corpo quase imóvel. A magia Agilidade além de melhorar meu movimentos, colocou-me de volta ao combate. O Goblin tentou me socar e eu desviei com facilidade do seu imenso punho. Acertei um chute na lateral do seu corpo e me joguei para passar por ele, fazendo uma cambalhota e erguendo-me logo em seguida. Ele tentou me chutar, assim como eu havia feito com ele e senti seu grosso pé acertar minha anca, que provocou uma dor em meu estômago. Cuspi um pouco de saliva acumulada e ele chutou novamente, mas desta vez eu agarrei sua perna e o rodei 180º, empurrando-o ao chão. Saltei sobre ele e o imobilizei com meu corpo. Enquanto eu socava seu rosto ele tentava desviar, mas eu utilizava minha cauda para chicotear seus braços e pernas, deixando-o ainda mais furioso. O monstro reuniu forças e me jogou para trás, libertando-se do meu ataque.

- Vocês não levarão meus tesouros. - ele protestou com uma voz áspera e com certa dificuldade em dizer tais palavras.

Não sabia que Goblins eram capaz de pronunciarem a língua comum, mas pelo menos este conseguia. Avançou na minha direção e acertou dois ataques cruzados com seus punhos. Cruzei meus braços na frente do meu corpo, para receber todo o impacto dos seus ataques. E doeu. Aprimorando minha velocidade, acertei seu peito com um soco e depois atingi seu queixo com meu cotovelo, afastando-o para trás. O verdão não desistia e investiu contra mim logo em seguida. Jogou seu corpo contra o meu e me lançou em uma das barracas improvisadas. Quase caí no meio dos ossos e carnes podres, mas ainda derrubei a barraca que atingi. Rolei para o lado para que a cobertura de madeira não me atingisse e senti um puxão. Meu oponente me agarrou pelos pés e me arremessou na direção do fogo. Por pouco não me queimei. Ele já vinha me erguer novamente pelos pés quando eu reagi. Levantei pouco antes dele chegar perto o suficiente.

- Não desta vez. - gritei sorrindo para ele.

Coloquei minha mão na fogueira o mais rápido que pude e peguei uma das lenhas em chamas, atirando no rosto do líder dos monstros. A madeira acertou seu rosto levemente, mesmo que ele não tivesse tido tempo de se defender. Mas as fagulhas acertaram seus olhos, deixando-o sem visão por um tempo indeterminado. Foi então a minha vez de jogar meu corpo contra o dele. Derrubei-o no meio meio de um amontoado de lixo e acertei um golpe com meu punho direito que quebrou seu nariz. Ele urrou em fúria, mas novamente o acertei. Como forma de contra-ataque, mesmo sem ver, ele pegou um pedaço de madeira e improvisou como porrete. Acertou na minha cabeça sem me dar chance de desviar. Cambaleei para trás, bastante tonto. Senti meus pés soltarem do chão e tudo ao meu redor estava girando. Minha visão falhou e eu caí deitado. Ouvi o Bahaliano me alertar e apenas rolei para o lado. Isso trouxe-me de volta e pude ver que o aviso me fez desviar do pé do Goblin, que tentou me pisotear. Rolei novamente para o lado e levantei-me, ainda com dificuldade.

- Agilitus rerberus poxen. - pronunciei, mesmo sem saber de onde conhecia estas palavras

A magia foi novamente ativada, bem a tempo de permitir que eu desviasse do ataque seguinte do monstro. Ele estava com uma das minhas espadas. Eu não poderia mais defender-me no corpo a corpo. Aproveitei meu corpo leve como uma folha que é levada pela mais sutil brisa e peguei do chão a minha outra espada. Eu teria que dar um fim nisso o mais rápido possível. Avancei em sua direção e nossas espadas ficaram travadas, fazendo um som irritante do metais sendo brandidos um contra o outro.





post: 005 ~ Últimos Oponentes


Última edição por Helmilith Imrorn em Sex Jan 02, 2015 1:26 am, editado 1 vez(es)
avatar
Helmilith Imrorn



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
25/85  (25/85)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Letime Know em Sex Jan 02, 2015 1:19 am

Desires







Lute por mim


O goblin desviou das mãos negras, recuando para trás e fazendo-as passar direto por ele. Na sequência lançando sua espada contra elas, cortando-as. O yetizeel relaxou um pouco ao ver seu dono chegar, se deixando descaçar apoiado sobre os joelhos. Tinha tomado todos os danos pelo domador até agora, enquanto o máximo que ele tinha era um leve corte na lateral do braço. O goblin tentou aproveitar a guarda baixa e avançar sobre o pé grande, mas foi impedido pela dor de espinhos contra a lateral de seu pescoço.

Você é meu. — disse o domador.

Já ia voltar a fazer mãos de trevas, mas a magia fraquejou de leve e falhou, pelo visto o mago tinha alcançado seu limite. O suor encharcava o rosto do rapaz, enquanto este encarava o goblin que corria em sua direção. Let olhou em volta, enxergando a forma do que parecia ser um escudo perto da fogueira. Num salto, o rapaz desviou do monstro que vinha em sua direção, rolando duas vezes no chão antes de alcançar o escudo. O pegou, girando-lhe enquanto procurava o encaixe para as mãos. O mostro já vinha em sua direção novamente, o ladino defendeu o primeiro golpe feito na vertical, fazendo o som metálico do impacto zunir perto do seu ouvido. O monstro fez força para empurrar o escudo com a espada, enquanto ficava dando socos com a outra mão pelo lado e chutes por baixo. Let revidava as ofensivas, mas não era como se ele fosse realmente um bom lutador. A espada já começava a tentar escapulir pelo lado do escudo, quando uma forma imensa surgiu atrás do goblin. Com uma pancada potente, a cabeça do monstrinho quase se desprendeu do corpo, antes dele voar uns dois metros para o lado, o domador limpou o suor da testa e suspirou.

Obrigador, Jack. — sorriu para seu pet, pegando a espada que o goblin soltara aos seus pés e apontando-a para o monstrinho desorientado no chão. — Este é o seu fim, criaturinha. O fim de todos vocês rabugentos.

E pulou sobre ele, cravando a espada contra sua imensa barriga. Só então, olhando para seu parceiro de missão, que lutava contra o maior de todos eles. Pelo o que observara até ali, ele era muito bom, duvidava que fosse precisar de ajuda.



avatar
Letime Know



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
35/80  (35/80)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Helmilith Imrorn em Sex Jan 02, 2015 1:42 am



☽    O Golpe Final   ☾






Consegui empurrar minha espada o suficiente para afastar o meu oponente e assim cortar seu braço, assim que nossas espadas se separaram. Ele não hesitou e partiu pra cima. As nossas espadas se debatiam em diversas direções. Por mais que eu fosse veloz, ele conseguia ser bastante preciso em seus ataques e defendia a maioria deles. Meu rosto estava ferido, além do resto do meu corpo. Faíscas eram produzidas pelas espadas com o atrito e a luz da lua brilhava através do metal de cada uma. Cortes no ar, ataques da diagonal e investidas com bastante força. A batalha parecia não ter fim. Esquivei de um dos ataques e com um pouco de impulso saltei para dar a volta no Goblin e consegui ferir suas costas. Ele contra-atacou, atingindo minha perna superficialmente. Afastei-me dois passos e ele veio para cima, mas eu também fui contra ele. Abaixei na hora certa e dei uma cambalhota para mudar minha rota, erguendo-me na hora certa. Consegui desviar do seu caminho e ainda o acertei, desarmando-o. Mas antes que eu conseguisse dar o golpe final, ele se jogou contra mim e saiu empurrando-me.

- Argh. - gritei assim que meu corpo acertou o tronco de uma árvore.

O monstro socou meu rosto, mas eu o afastei com um chute. Afastei-me pro lado assim que ele tentou me socar novamente, fazendo seu punho acertar a árvore que antes estava em minhas costas. Apanhei a outra espada e parti para cima. Sem lhe dar descanso, o atingi em cheio no peito várias vezes. Minhas duas espadas voltavam a dançar em minhas mãos, cortes diagonais e precisos. Abaixo-me quando ele tenta me atingir com suas mãos e ainda acerto seu rosto com minha cauda. Ele caiu para o lado e estava bastante exausto. Quando ia falar algo, reagi primeiro. Cravei as duas lâminas em seu peito e finquei o máximo que pude. Sangue escuro foi expelido pelo ferimento e ele também cuspiu uma secreção. Aos poucos ia parando de se debater, seus olhos já estavam fraquejando. Removi minhas armas e senti meu corpo perder boa parte da energia que sentia. Fraco, cai sentado e deitei em seguida. Apenas estavam observando o céu, à espera de que todo o combate já estivesse no fim. Sem ver o bahaliano, chamei por ele.

- Você ainda está aí? - perguntei alto.

Esperei por sua resposta e aos poucos fui recobrando ânimo. Levantei e me aproximei das barracas, para certificar-me de que não haviam mais oponentes. Apenas o vazio. Voltei até a fogueira e fiquei diante da pequena gaiola, apenas observando a fada. O meu aliado a soltou e ela estava livre novamente. Vou na altura dos nossos rostos e fiquei encantando com a beleza do seu voo e os pós que suas asas produziam.



post: 006 ~ Sem Oponentes
avatar
Helmilith Imrorn



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
25/85  (25/85)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Letime Know em Sex Jan 02, 2015 2:12 am

Desires







Vivos e livres


Let observou o fim da luta de longe, pensava em interferir, quando viu seu aliado ganhar cada vez mais vantagem. O goblin estava acabado. Aproximou-se então da gaiola da fada, apressado em acalmar e libertá-la. A pequena se encolheu mais quando o domador abriu sua gaiola, mas, com um simples e sincero "não precisa se preocupar", este se afastou e deixou-a sair. Voando perto do ladino, mesmo que ainda receosa.

Estou bem aqui, seu louco. — disse Letime, olhando para o tiefling. — Conte-me então, qual foi o motivo para fazer toda essa confusão?

O rapaz, então, falou para o ladino sobre os boatos de tesouros guardados pelos monstrinhos ali naquele covil, e por fim perguntou qual eram os motivos do bahaliano para estar lá.

Eu estava no rastro dessa pequena aqui. Sou domador, sabe? — falou apontando com o queixo para o yetizeel grandão do lado dele.

As luzes da fogueira já começavam a diminuir lentamente, tanto pela diversidade de coisas que haviam sido atiradas nela, quanto pela falta de lenha colocada lá naquele meio tempo da batalha. Alheios a isso, Let e seu yeti seguiram o outro rapaz na procura dos tais tesouros.

Spoiler (que eu esqueci):
Eu gostaria de pedir, se possível, como recompensa da missão a chance de poder capturar a fada como pet. A AVN também teve com em objetivo a contagem de 10 goblins derrotados para conquistas posteriores.





Última edição por Letime Know em Sex Jan 02, 2015 2:55 am, editado 2 vez(es)
avatar
Letime Know



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
35/80  (35/80)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Helmilith Imrorn em Sex Jan 02, 2015 2:46 am



☽    Boatos Falsos   ☾






Então ele era um domador, que estava seguindo o rastro de criaturas da floresta. Uma profissão um tanto perigosa. A fada parecia realizada ao estar enfim em liberdade e eu pude até sorrir aliviado. Quando o bahaliano perguntou sobre os motivos que me trouxeram até aqui, lhe contei brevemente sobre os tesouros que haviam sido mencionados nos boatos pelas tavernas ao redor da floresta. Isso me fez ir procura pelos tais tesouros e o Domador me ajudou. Vasculhamos todas as tendas que ainda estavam de pé e na última encontramos um amontoado de coisas cobertas por um tecido. Juntos nos o erguemos e joguei para o lado. Enfim o tesouro foi revelado e fiquei realmente desapontado. Eram somente alimentos, em caixotes com o símbolo da cidade vizinha. Existiam diversos tipos de alimentos e que durariam por muito tempo. Então este era o tesouro tão falado. Mas que droga. Os goblins estavam saqueando a cidade e acumulando-os em seu acampamento.

- Acho que já posso ir embora. - falei desapontado.

Deixamos a barraca e eu apertei sua mão, agradecendo pela ajuda. Disse que ele poderia esbarrar comigo novamente por ai e me ajudar a quebrar alguns verdinhos. Sorri e caminhei na direção da saída da floresta, pronto para vagar novamente atrás de novos rumores. E a vida iria seguir, mesmo com boatos falsos. A lição aprendida foi: Magia nem sempre é fútil.


IMPORTANTE:
Esta AVN tinha como objetivo, além da trama desenvolvida, a contagem de 10 Goblins enfrentados para alcançar em breve a conquista referente a eles. Além disso, cada um usou seus pergaminhos para aprender as suas magias.



post: 007 ~ Tesouro
avatar
Helmilith Imrorn



Ficha de Persogem
Pontos de Vida:
25/85  (25/85)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [AVN] Goblins aos montes ~ Letime e Helmilith

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum